segunda-feira, 22 de julho de 2019

O som

Fotografia de Rene Böhmer



o som dos espelhos
alaga as ruas
que se arrastam pelo corpo
entre o suor ácido das formas.
chove
e vejo a língua do relógio
misturar-se com a lama.
a cidade arde
e a minha ressaca
é uma lareira
a pingar pelos dedos.
Sara F. Costa





Sem comentários:

Enviar um comentário