sexta-feira, 12 de setembro de 2014

António Borges *

* Texto publicado hoje no Jornal do Centro


1. Faz hoje exactamente seis anos, em 12 de Setembro de 2008, publiquei aqui no Olho de Gato uma carta aberta dirigida a António Borges (na altura presidente da câmara de Resende), João Paulo Rebelo (na altura presidente da concelhia do PS em Viseu) e Miguel Ginestal (na altura vereador na oposição a Fernando Ruas).

Escrita quando Sócrates governava o país e o PS com mão de ferro e antes de umas eleições para as distritais socialistas, a carta aberta detalhava as razões que aconselhavam o fim, logo naquele ano, da longa liderança de José Junqueiro no distrito — ele não tinha peso político nenhum junto de Sócrates e tinha arranjado um telhado de vidro: estava, como consultor, na folha de pagamentos dos colégios privados do grupo GPS.

A carta, implicitamente, sugeria a António Borges, sem dúvida o socialista viseense mais influente e mais próximo de José Sócrates, para avançar para a distrital, e citava Peter Singer: «Somos responsáveis não só por aquilo que fazemos, mas também por aquilo que poderíamos ter impedido.»

Como é sabido, nada na altura foi impedido.



2. Entretanto passou muita água debaixo das pontes. Com seis anos de atraso e sem surpresa, António Borges acaba de ser eleito presidente da federação distrital socialista. Os concludentes 71% de António Borges confrontam-no agora com dois problemas:

(i) escolheu para lhe suceder em Resende uma figura muito fraca que, em menos de um ano, conseguiu deitar ao rio Douro toda a dinâmica política do concelho; como vai fazer o agora líder distrital do PS para não perder Resende em 2017?

(ii) no final de Maio, António Borges roeu a corda a António Costa, para espanto deste, e meteu-se num beco sem saída chamado Seguro; como vai fazer o agora líder distrital do PS para que — e repito uma expressão da tal carta aberta — Viseu deixe de ser "um distrito peso pluma no contexto nacional"?

2 comentários:

  1. Fácil....!
    Arranjar umas centenas de "indeprndentes simpatizantes" do Tó Zé Nulo efazer a sua inscrição em cima da hora...
    Experiência não deve faltar,face aos (supreendentes) números dos e das militantes PS na concrlhia de Resende.
    Rir é o melhor remédio mas mesmo os remédios têm efeitos secundários.

    ResponderEliminar