sábado, 15 de outubro de 2016

Mas que sei eu?

Daqui



Mas que sei eu das folhas no outono
ao vento vorazmente arremessadas
quando eu passo pelas madrugadas
tal como passaria qualquer dono?

Eu sei que é vão o vento e lento o sono
e acabam coisas mal principiadas
no ínvio precipício das geadas
que pressinto no meu fundo abandono

Nenhum súbito súbdito lamenta
a dor de assim passar que me atormenta
e me ergue no ar como outra folha

qualquer. Mas eu que sei destas manhãs?
As coisas vêm vão e são tão vãs
como este olhar que ignoro que me olha
Ruy Belo


1 comentário:

  1. Momento de humor matinal:

    Assunção Cristas: “Abriu a caça ao contribuinte”
    http://expresso.sapo.pt/economia/2016-10-14-Assuncao-

    Maria Luís Albuquerque: injustiça social é reforçada nesta proposta de Orçamento
    http://www.tsf.pt/economia/interior/maria-luis-albuquerque-injustica-social-e-reforcada-nesta-proposta-de-orcamento-5444369.html

    Bons eram os orçamentos do Gaspar que duravam 3 meses.
    Agora os “esquerdalhos” caçar contribuintes para variar dos pensionistas…eh eh!!!

    Nada como um orçamento do PS para ver a ultra-direita dos cortes e do fim do Estado social a defender aumentos de 10 euros para os pensionistas!
    Nenhum deus faria isto. Só um (bom) OE de esquerda.

    Adeus, PAF. Ainda cá andaste um ano em forma de fantasma, mas não há diabo que queira pactuar contigo. E ver o PPD agarrado âncora passista a afundar, é como ver o filme “A vida é bela”!

    Provocação: É bom haver um exército de defensores de impostos, dos governos com que simpatizam. Engraçado!

    "Mas eu que sei destas manhãs?
    As coisas vêm vão e são tão vãs" - GOSTO!

    ResponderEliminar