sexta-feira, 14 de outubro de 2016

A maçã do pagador de impostos em Portugal *


* Republicação em dia de entrega de orçamento de estado

1 comentário:

  1. E os parvos que pagam perguntam: para quando o perdão fiscal à Galp?
    Em breve, um Mundial de futebol, perto de si…!

    No entanto, o actual modelo governativo é uma solução democrática que não agrada à burocracia europeia. É um bom sinal!
    Tenho apoiado esta solução mais contra qualquer tentativa de regresso de um governo de direita, do que propriamente por simpatia política por algo que corre o risco de se diluir em "acordos" que podem eliminar a própria solução existente.
    A existência de uma maioria de esquerda na Assembleia da República criou uma situação política de novo tipo, pondo fim ao velho tabú do arco da governação, uma história da carochinha para idiotas, mera artimanha para perpetuar a direita no poder.

    Continuo a preferir um governo de esquerda, capaz de executar políticas pela força democrática da vontade das pessoas. Mais vale o actual governo que um outro do tipo do anterior mas nenhum deles é melhor que um governo de esquerda com um programa de esquerda e com coragem de ser de esquerda, democrático e socialista! Mas isso é utopia!

    E seguindo o exemplo da criatividade linguística portuguesa com a expressão: “Uma coisa é uma coisa...E outra coisa é outra coisa!”, deixo:
    uma provocação: Prémio Nobel da Química para Keith Richards…!
    uma sugestão musical: Bill Callahan – “Ride My Arrow”

    E não digam que estou de mau feitio contra o OE, pá!
    Adoro pagar, para os ricos!

    ResponderEliminar