segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Uma lição da Grécia a Portugal

Daqui
Na Grécia, o parlamento foi dissolvido hoje e em menos de um mês vão ter eleições legislativas.

Em Portugal, com os seus prazos bizantinos, uma crise política deste tipo só ficaria resolvida lá para a primavera.

1 comentário:

  1. O assunto: prazos de eleições, constituição de novo governo, etc…., é das tais matérias em que TODOS os partidos estão de acordo em mudar.

    Pergunta de um cidadão: então porque não fazem uma nova lei?
    Como explicar este contrassenso, tão difícil de entender?

    Neste campo Grécia, e eventualmente o resto da Europa (não se se em França os prazos serão tipo Portugal…), dá lições a Portugal.

    Mas, será que os partidos estão a perceber que os eleitores os vão castigar ou planeiam fazê-lo com os seus votos. Os casos de corrupção desvendados e a desvendar vão gerar um castigo nas urnas.
    Há um clima de indignação reinante, embora as pessoas se sintam perdidas e não saibam em que acreditar.

    A Grécia vai a votos!
    A Grécia vai sofrer mais uma fortíssima chantagem por parte do FMI, EU, Merkel….
    A Grécia, fundadora da democracia, vai constatar como para uma Europa dita democrática se pode praticar um outro conceito da história grega: o ostracismo!

    ResponderEliminar