domingo, 24 de março de 2013

Nem sempre o corpo se parece

Fotografia de Bruce Gilden



Nem sempre o corpo se parece com
um bosque, nem sempre o sol
atravessa o vidro,
ou um melro canta na neve.
Há um modo de olhar vindo
do deserto,
mirrado sopro de folhas,
de lábios, digo.
Eugénio de Andrade


Sem comentários:

Enviar um comentário