segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Como o rio, ou como o vento

Fotografia de Mario Testino


Como o rio, ou como o vento,
vão passando os dias.
Há dois dias que me são indiferentes:
O que foi ontem, o que virá amanhã.
Omar Khayyam





Sem comentários:

Enviar um comentário