quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Calhaus*

* Texto publicado no Jornal do Centro há exactamente dez anos, em 19 de Janeiro de 2007


1. O artigo 140º do Código Penal determina: «A mulher grávida que der consentimento ao aborto praticado por terceiro, ou que, por facto próprio ou alheio, se fizer abortar, é punida com pena de prisão até 3 anos.»

Um aborto dói à mulher no corpo e na alma. Um aborto é um mal dramático e dilacerante. Perseguir quem fez um aborto é fazer um mal em cima de outro mal.

É por isso que, no próximo referendo, vou votar “sim”.

Wikipédia
2. Já passaram exactamente cinco anos, quatro meses e oito dias sobre o 11 de Setembro de 2001. Nesse dia George W. Bush prometeu a cabeça de Bin Laden aos americanos. De uma forma bárbara, Saddam Hussein foi pendurado agora na ponta duma corda. Só que a barba que Saddam deixou crescer no fim da vida não é confundível com a barba longa de Osama Bin Laden.

Em 28 de Fevereiro de 2003, poucas semanas antes da vergonha da Cimeira das Lajes e do sequente início da Guerra do Iraque, escrevi aqui no Olho de Gato: “Se as coisas tenderem para o pesadelo e Bush avançar para uma acção unilateral, o mundo ficará muito mais perigoso. E é escrita a primeira página da decadência da América.”

O plano de Bush para o Iraque, anunciado em 11 de Janeiro, que passa pelo envio de mais 20 mil militares e por tentar passar a “batata quente” para o governo xiita de Bagadad, não traz nada de muito promissor. Bush já só quer comprar tempo até à chegada do novo inquilino (ou inquilina) à Casa Branca, daqui a dois anos.

3. Em vez de relva, prantaram uns seixos horrorosos em várias rotundas de Viseu; pode vê-los, por exemplo, na Rotunda da Quinta do Galo ou na nova rotunda à frente dos Bombeiros Municipais.

Para que servem aqueles calhaus nas rotundas? Para servirem de munições numa intifada?

Sem comentários:

Enviar um comentário