sábado, 25 de julho de 2015

O PS-Viseu não foi 'smart' e ainda compra um — um texto de JB

* Comentário de JB à minha crónica publicada ontem no Jornal do Centro, intitulada "Grupos grandes"

1. Recordemos que o primeiro governo de Alexis Tsipras era formado por um número assinalável de académicos: seis economistas, um professor de Direito, um professor de Relações Internacionais, um matemático e um professor emérito de Filosofia. Era o gabinete com maior formação académica da Europa.

“Entre a desilusão e o festejo vai um caminho enorme. Deste lado pesa a desilusão, claro. Mas nada é a preto e branco, como sempre. A luta continua.” – Marisa Matias.

Todos criticam o Varoufakis, mas quantos já se deram ao trabalho de consultar o impressionante currículum do sr?

Por cá quantos Lusófonos, copy-paste, equivalentes, tecnofórmicos ou impenitentes gabarolas internacionais.

E pelos vistos ainda não passaram da fase “grupos grandes tendem a decidir mal, grupos grandes e com sono é asneira certa.”



2. Quanto a Viseu, um partido que se dá ao ”luxo” de despedir um deputado trabalhador, interveniente, atento e culto como Acácio Pinto, está de malas aviadas para comprar um Smart!

Bem podem tentar negar, jurar que foi tudo um mal-entendido, afirmar que bem tentaram, fazer-se de inocentes, prometer, que agora é que vai ser. Vira o disco e toca o mesmo e eles conseguem não se desmanchar a rir...

Deitaram fora o bebé com a água do banho.

Sem comentários:

Enviar um comentário