sexta-feira, 31 de outubro de 2014

A política no seu grau zero

Daqui

3 comentários:

  1. É a escola PS-Vouzela. O Borges aprendeu cá!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Senhor anónimo de Vouzela

      António Borges não teve nada a ver com isto, seja lá o que tenha acontecido durante a sessão da câmara de Resende, órgão a que ele não pertence.

      O PS-Vouzela muito menos.

      Eliminar
  2. Dizem os comentadores que selfie deverá ser a palavras do ano.

    O Sr Presidente da Câmara de Resende tirou um auto-retrato.

    O Sr Presidente da Câmara de Resende tirou um selfie de uma classe política, que chega ao poder por via democrática, mas que, ao que parece, entende o seu exercício de forma autocrática.

    Cada vez mais comum estas atitudes da “minha individualidade” sejam em Resende, seja no “corram-nos à pedrada”, seja em “os cubanos do continente”, sejam em «manso é a tua tia, pá!», e fiquemos por aqui.

    Este tipo de, lamentáveis, atitudes revelam falta de espessura política, cultural e de respeito pelo adversário político, que nunca inimigo.
    A expressão alemã Zeitgeist significa “o espírito do tempo”, e esse não vai no sentido do respeito pelas ideias do adversário, pelo debate, pelo confronto democrático.

    Frei Bento Domingos tem uma expressão muito engraçada: “ Uma vez um bispo disse-me que não estava de acordo com o que eu escrevia, ao que lhe respondi que eu quase nunca concordava com o que ele dizia…”.

    Não reduza os seus concidadão à marcação da “cruzinha”, Sr Presidente, e que Deus nos proteja dos criativos em segunda mão…

    ResponderEliminar