segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Quem ganhou que governe, quem perdeu que faça oposição

Caro Miguel Fernandes, não se apoquente nem se desassossegue, lembre-se que, na câmara de Viseu, desde as últimas autárquicas, ao "peso" da "situação" passou a corresponder, muito montesquieusmente, o "contra-peso" da "oposição"...
... oposição ainda por cima multipartidária e, espera-se, polifónica.

Como sabe, defendo executivos municipais monocolores mas, para isso, teria sido necessário o reforço dos poderes das assembleias municipais. 

António José Seguro e Pedro Passos Coelho deixaram tudo na mesma como a lesma nas autarquias e fizeram mal. 

Como as coisas acabaram por ficar, ao menos dá algum conforto saber que não se vai repetir o mandato 2009-2013: em Viseu, não vamos ter outra vez vereadores da oposição conformistas e metidos no bolso pelo presidente da câmara.

1 comentário:

  1. Quando aprovaram o programa de candidatura "Viseu Primeiro" já deram um sinal claro daquilo que pretendem fazer. Sendo assim por que se candidataram se o programa de AH era tão bom?

    ResponderEliminar